11 de mai de 2006

Silvio Pereira assume : "Era domingo, tava de porre !"


Quem nunca chegou numa segunda feira sem lembrar picas do que fez no domingo, por conta de umas e outras, que atire a primeira pedra.

Foi o que aconteceu ao ex-secretário geral do PT.

Abordado levianamente pela reporter Soraya Aggege no momento em que chapava o melão, pôs-se a divagar sobre esquemas de corrupção, negócios de monta e quantias astronômicas que fluiam por um duto de um tal Valério, provavelmente boliviano magnata do gás.

"Eu queria mesmo era chulapar a mocréia, eu acho. Impressionar, sabe como?" declarou Sílvio. "Não me lembro de nada, mas garanto que não li a reportagem, mesmo porque detesto jornal." e ainda acrescentou : "Nem tudo o que eu disse estava escrito lá."

Ainda recendendo a alcool e com profundas olheiras, o ex-secretário compareceu a CPI dos bingos, onde ficou horas com os olhos perdidos no horizonte, enquanto o Senador e presidente da comissão Efraim Moraes discorria sobre o caso. Quando perguntado se tinha alguma noção do que estava fazendo ali, Pereira voltando do transe etílico balbuciou algo como "Estou esperando a pizza", o que causou o enfurecimento de Efraim, que o fulminou com a pergunta :

Vossa senhoria me permita, está querendo fazer a gente de besta?"

ao que Silvio retrucou :

"Ora, imagina! Eu nem pedi para nascer, BLURP..."

2 bestaram:

+ Kazzx + disse...

Caro Sobesta:

Cheguei aqui via Walter Carrilho,o que a cachaça não faz na vida do homem, até esquecer o que fez e falou o homem esquceu....

Abçs

Jorge Sobesta disse...

Putz! Marcos. Walter é um grande traficante de blogs!
Obrigado pela visita.