25 de mai de 2007

Chávez elimina vestibular na Venezuela


Así, así es que se gobierna! cantavam com euforia as centenas de estudantes reunidos em um teatro de Caracas ao ouvirem o pronunciamento populista de seu presidente Hugo Doidinho, que resolveu acabar não só com o vestibular mas também com as provas internas das universidades venezuelanas.

Doidinho alega que " os velhos métodos levam à exclusão de jovens das classes populares " e ainda vai aumentar para 100 dólares as milhares de bolsas de estudos distribuidas mensalmente.

Pol Pot fez o mesmo para poder tocar seu governo de horror no Camboja sem a interferência de cidadãos que podiam distinguir o que era real e o que era engodo, porém usou um método mais radical mandando fuzilar qualquer um que possuisse um mínimo de ensino.

Aproveitando a oportunidade de ingressar diretamente numa universidade e se diplomar sem nem mesmo prestar exames, Lula se mandou pra lá e já conseguiu um título de PHD em Ciências Bolivarianas.

Desse jeito em breve teremos uma América Latrina com alto nível de instrução, onde médicos envergando seus jalecos manchados de sangue usarão procedimentos inovadores para curar unha-encaravada, tais como a amputação do dedo, sem anestesia, seguida de cauterização em óleo fervente. Vírus e bactérias serão considerados lendas da oposição burguêsa e vacinas se tornarão alvo de deboches.

PS: Ontem eu li uma pixação em letras garrafais num prédio famoso no centro da cidade onde eu moro: " 1999 á 2010 não adianta reclama voces vao ter que me enguli " A letra era bonita, mas o português era típico de um feliz aluno petista do ENEM.

9 bestaram:

Joshua disse...

Gosto do vosso tom interventivo e no mais das vezes corrosivo. Faz falta. Parabéns! It's so nice for me to have found this blog of yours, it's so interesting. I sure hope and wish that you take courage enough to pay me a visit in my PALAVROSSAVRVS REX!, and plus get some surprise. My blog is also so cool! Off course be free to comment as you wish.

alexandre, the great disse...

Jorge.

Agora me ocorreu aquela célebre frase do "Noço Meçias":

"Eu gostaria de ter estudado latim, para me comunicar melhor com a América Latina".

Por quê será, hein?


Alexandre, The Great

Jorge Sobesta disse...

The Great,

Não sei para que o Molusco Regente gostaria de aprender latin, mas que ele anda latindo muito ultimamente ... Deus do céu!

Um Abraço.

Joshua,

Obrigado pelos elogios.
Porém só sei falar e escrever em português (muito ruim por sinal) e meu inglês não passa dum The book is on the table... hehe.

Um abraço.

alexandre, the great disse...

Jorge.

Deve ser pq após a visita do papa elle ficou, em relação a educação, digamos... um tanto laico ?


Alexandre, The Great

David disse...

Jorge, Jorge...educação na pichação, sem chance mermão.
E mais: eu quero que todos os latrino presidentes vão a merda.

beijunda e um abraço por detrás.

PS: Qualé a do fórum? Me inscrevo?

Blogger disse...

Senhor,


O conceito de seu Post se enquadra perfeitamente nos propósitos de minha coleção.
Obrigado

Ricardo Rayol disse...

O incrível é que ele vai fazendo essas coisas e o povo só aplaude. Alguma coisa está muito errada. Será que eles acreditam que irão sobreviver de esmolas para sempre?

Fábio Max Marschner Mayer disse...

Ih, meu!

Aqui no Paraná já começou a revolução bolivariana do tiranete Requião... nas nossas escolas, o aluno vai da 1ª a a4ª série sem precisar sequer aprender a ler... é um programa intensivo de criaçlão de eleitores bolivarianos!

Walter Carrilho disse...

A América Latina já pode se orgulhar de ter o seu ditadorzinho pirado do momento. O povo da Coréia do Norte deve estar com inveja...